Mais uma vez, um cristão egípcio é sequestrado na Líbia

| 02/02/2015 - 00:00


07_Church_Libya_2012_0260008922.jpg

De acordo com a agência de notícias do Oriente Médio Copts Today, colegas do cristão Samir Sabri Masood, de 26 anos, de Sidi Salem Kafr El Sheikh, Egito, informaram o sequestro à polícia. Masood foi levado para um local desconhecido.

Em 27 de janeiro, pelo menos oito pessoas foram mortas em um ataque a um hotel de luxo em Trípoli. Os militantes leais ao Estado Islâmico disseram que eram responsáveis por um assalto à mão armada, segundo o jornal NY Times.

A agência de notícias World Watch Monitor relatou que pelo menos 20 cristãos egípcios, em dois incidentes separados, em dezembro e janeiro, também foram reivindicados por militantes líbios filiados ao Estado Islâmico.

Hala, esposa do cristão egípcio Emad Magdy Adly disse que não falou com o marido desde o seu sequestro na Líbia, em agosto de 2012.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE