Cresce a repressão aos cristãos

| 12/08/2004 - 00:00


Em 5 de agosto, a principal organização de auxílio cristã advertiu que a repressão aos cristãos evangélicos, liderada pelo governo, está aumentando na Europa oriental, especialmente por toda a antiga União Soviética.

A Evangelização da Europa Oriental (EEO) afirmou que seu trabalho foi dificultado pela pressão sobre os cristãos realizada pelas forças de segurança, além de terem ateado fogo em igrejas evangélicas e açoitarem pastores e cristãos.

Quando o comunismo sucumbiu em 1989, houve muito regozijo por todo o mundo e os cristãos regozijaram porque eles sabiam que a Rússia seria aberta ao Evangelho, contou a EEO.

Agora, quinze anos mais tarde, parece ter havido uma mudança dos dias de glória de liberdade religiosa que seguiu a queda da União Soviética.

A EEO, que fornece auxílio e evangeliza famílias pobres, crianças e prisioneiros, acusou o presidente russo Vladimir Putin e outros políticos de encorajar a perseguição fazendo negócios com a Igreja Ortodoxa Russa, já que ela não quer concorrência com grupos que acreditam na Bíblia.

Neste ano, a organização não poderá prosseguir com suas atividades e declara que a Associação de Igrejas Cristãs na Rússia e os outros grupos ainda têm forças para enfrentar as conseqüências dos recentes incidentes violentos.

O diretor executivo da EEO, Jeff Thompson, afirmou e espera que embora nós estejamos enfrentando repressão no momento, não se compara à repressão do passado.

Entretanto, ele enfatizou a necessidade de monitorar as tendências, apesar de ele estar convencido que seu ministério esteja apropriadamente enfocado, tanto para o contexto atual como para o futuro.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE