Monge tibetano tem pena de morte trocada por prisão perpétua

Portas Abertas • 30 jan 2005


Um alto tribunal da província de Sichuan, no sudoeste da China, comutou por prisão perpétua a pena de morte de um monge tibetano acusado de participar de atentados terroristas, informou a agência Xinhua.

Segundo a fonte oficial chinesa, A"an Zhaxi, também conhecido como Tenzin Delek Rinpoche, a comutação da pena se deveu ao monge não ter violado intencionalmente a lei à qual esteve submetido durante os dois últimos anos à espera da sentença definitiva.

O monge foi acusado e condenado em dezembro de 2002 à morte por atentar com explosivos e efetuar atividades separatistas em dezembro do 2002 por um tribunal de primeira instância de Garze, ao oeste de Sichuan.

Leia mais no UOL

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco