Três cristãos foram presos sob acusação de ofensa ao hinduísmo

| 14/05/2005 - 00:00


No dia 4 de maio, duas mulheres e um homem estavam distribuindo fitas nas ruas quando um grupo hindu começou a reclamar sobre o conteúdo do material.

A acusação contra eles é que a fita encorajava as pessoas a matarem vacas e comerem a carne do animal, o que é proibido para os hindus.
As fitas distribuídas são produzidas pela Sociedade Bíblica na Índia.

Logo uma multidão juntou-se e começou a questionar os três cristãos. Alguns tentaram agredi-los, sem nem levar em conta que duas eram jovens mulheres.

Eles foram levados ao distrito policial mais próximo, onde um homem chamado Senhor Kapoor preencheu uma acusação formal contra os três cristãos.

Eles foram acusados sob o código penal 153 A, que indica "ofensa por promover inimizade entre grupos diferentes de religião, raça, cor, língua etc... e prática de atos prejudiciais à harmonia ou a integridade nacional". Essas acusações não são afiançáveis.

Por favor, ore para que seja concedida a fiança e para que a situação normalize-se na região. Muitos cristãos foram interrogados após o incidente e alguns estão com muito medo.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco