Evangélicos são presos e multados por causa da fé

| 24/05/2005 - 00:00


Todos os anos, desde que se estabeleceu em Cuateceometl, no estado de Hidalgo, em 1997, a Igreja Evangélica Fonte do Céu tem alguns de seus membros passando alguns períodos na cadeia.

Isso não acontece porque eles são culpados de algum crime, e sim porque a maioria dos habitantes da cidade é composta por católicos romanos e as autoridades locais adotaram uma posição de intolerância para com qualquer outra religião.

No dia 15 de maio, cristãos evangélicos da congregação rural, que é ligada à Fraternidade Cristã Vida Abundante, foram vítimas de outra humilhação. Naquela manhã de domingo, seis policiais e um catequista católico apareceram na igreja, às 10 horas, e prenderam o pastor Francisco Sanchez Gonzalez e o membro Raul Bautista.

As prisões levaram os líderes nacionais da Fraternidade Cristã Vida Abundante a agir em favor dos crentes detidos em Cuateceometl. Gregório Gonzalez, pastor na Cidade do México e representante legal da denominação, e o advogado cristão Alfonso Ferrera chamaram a atenção das autoridades federais e estaduais para a condição da Igreja Fonte do Céu.

Ferrera, um ativista dos direitos religiosos, juntou-se a Gonzalez solicitando às autoridades governamentais que tomem providências para que os membros da Igreja Fonte do Céu possam adorar livremente - um direto garantido pela constituição mexicana.

Cuateceometl fica no município de Huejutla de Reyes, no estado de Hidalgo. A assembléia local recentemente decidiu "erradicar" todos os cristãos não-católicos da área.

Gonzalez disse que a assembléia impôs uma multa de mil pesos (cerca de 110 dólares) a todos os membros da igreja e informou-lhes que eles têm de renunciar à fé evangélica.

Os membros da Igreja Fonte do Céu têm até o fim de maio para atender à determinação, do contrário suas casas e o templo serão derrubados.

Mesmo que os cristãos neguem a fé evangélica, o que é pouco provável, ainda assim terão de pagar a multa, uma soma elevada para as famílias do interior do México.

As autoridades governamentais prometeram intervir na crise de Cuateceometl antes do fim do mês.

O pastor Sanchez foi libertado da cadeia na mesma manhã, entretanto, Bautista ficou preso por 48 horas, e só foi solto depois que um parente pagou a multa de mil pesos.

A Igreja Fonte do Céu é a única congregação não-católica em uma ampla área ao redor de Cuateceometl. Entretanto, segundo consta, em cada uma das pequenas cidades da região há uma ou duas famílias que professam a fé evangélica.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE