Multidão hindu ataca missionários americanos em Bombaim

| 25/06/2005 - 00:00


Jovens hindus furiosos espancaram três missionários americanos e tentaram seqüestrar um enquanto eles faziam um estudo bíblico em Bombaim.

Cerca de 30 ou 40 homens atacaram os três, parte de um grupo de oito, na noite de segunda-feira porque eles achavam que os missionários estavam tentando converter hindus na capital financeira da Índia.
Os três foram tratados das contusões e cortes no hospital, mas não ficaram seriamente feridos, disse a polícia.

"Enquanto esse tipo de ataque é raro em Bombaim, a polícia deve tomar sérias providências contra os responsáveis e enviar uma mensagem clara de que a intolerância não será aceita na Índia", disse o presidente da Sabha Católica de Bombaim.

Os cristãos são geralmente acusados de "forçar" à conversão as baixas castas hindus, pobres e não-educadas, subornando-os com dinheiro e presentes. Um missionário acusado negou. Alguns estados têm tornado ilegais as conversões forçadas.

O número de cristãos é de cerca de 2% da população indiana de mais de um bilhão de pessoas. Conflitos religiosos mais comumente contrapõem muçulmanos - cerca de 13% da população - aos hindus, que perfazem cerca de 80%.

Em 1999, uma multidão hindu queimou vivo um missionário australiano e seus dois jovens filhos no estado de Orissa. Em maio uma corte reduziu a sentença do chefe do grupo de pena de morte à prisão perpétua.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE