Apelo por mais bebês hindus gera fúria na Índia

| 28/11/2005 - 00:00


Um influente radical hindu irritou mulheres e muçulmanos ao pressionar os hindus a terem o maior número possível de filhos, para evitar que sejam populacionalmente superados pelos muçulmanos.

K.S. Sudarshan, que dirige o Rashtriya Swayamsewak Sangh (RSS), matriz ideológica do partido Bharatiya Janata, disse que uma maior natalidade hindu é vital contra o desequilíbrio da população.

Quando os novos vêm tomar minha bênção, eu digo a eles: "Nada menos que três (filhos). Quanto mais, melhor", disse ele em um evento transmitido recentemente pela televisão.

Grupos feministas na Índia, que tem mais de 1 bilhão de habitantes, sentiram-se insultados por Sudarshan. Está implícito na sua declaração que as faculdades reprodutivas de uma mulher devem ser empregadas exclusivamente para atender à agenda do Estado nacionalista hindu, como uma máquina reprodutiva, disse a influente ativista Malini Bhattacharya. Como se a questão do direito da mulher nem estivesse colocada -- seu direito sobre seu corpo e sua saúde.

Leia mais no UOL.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE