Rádio cristã recebe ameaças de extremistas islâmicos

| 08/05/2006 - 00:00


Extremistas islâmicos lançaram uma campanha para fechar uma estação de rádio cristã, acusando a emissora de fazer proselitismo. A Radio Suara Gratia - "A Voz da Graça" - fica em Cirebom, a 250 quilômetros de Jacarta.

No final de abril, membros da Frente Comunitária Muçulmana (FUI) e do Movimento Jovem Anti-separatista (Gapas) ordenaram que os diretores da rádio tirassem os programas do ar. Andi Mulia, do FUI, justificou a ação dizendo: "Suara Gratia afirma que os programas são especialmente voltados para as comunidades cristãs. Mas, nós acreditamos que a licença de transmissão deve ser usada para o proveito geral. Uma vez que Cirebon é bastante conhecida por sua comunidade predominantemente muçulmana, o programa é irrelevante".

O ativista do FUI disse que a rádio lançou clandestinamente um programa de proselitismo. Taufik, o líder do Gapas em Cirebon, concorda: "Um programa para cristãos, na realidade, confunde os cidadãos muçulmanos. Se eles não interrompem as transmissões, significa que sua intenção é fazer com que as pessoas mudem de religião".

Horários especiais

Jimmy Gideon, diretor da Suara Gratia, disse: "Nem todos os programas transmitidos são religiosos ou têm conteúdo cristão. Em alguns horários nós transmitimos um programa especial para as comunidades cristãs, mas isso não infringe as regras, uma vez que temos licença para uso geral".

Um encontro entre Kia Haj Bajri, líder do FUI, e Gideon não obteve resultado. O FUI está insistindo no completo encerramento dos programas, porque "eles violam o decreto ministerial a respeito da proclamação de religiões (também conhecido pelos muçulmanos indonésios como dakwah)." Ele acrescentou: "Tais práticas devem ser difundidas na igreja e não por meio do rádio".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE