Cristão tem sua casa atingida por bombas caseiras

| 22/08/2006 - 00:00


As ameaças de morte contra Samir Qumsieh estão se tornando mais graves. Ele é diretor e proprietário da única estação de televisão cristã privada na Palestina. Preocupado com sua família e seus negócios, ele vem solicitando repetidamente a intervenção das autoridades.

Em 1996, Samir Qumsieh fundou a TV Al-Mahed (A Natividade) em Belém. Ele contou à agência AsiaNews que é forçado a viver sob constantes ameaças contra sua vida e pode ter que fechar sua estação de TV, que tem sido bem recebida pelos líderes cristãos na Terra Santa. No passado, Samir denunciou, várias vezes, a violência imposta aos cristãos no local.

Há poucos dias ele solicitou que o governador de Belém, Salah Al-Tamari, que investigasse um sério incidente. Depois da meia-noite da última quinta-feira, 17, desconhecidos atiraram coquetéis molotov (bombas de fabricação caseira) no jardim de sua casa.

"Nós escapamos do pior por um milagre. Uma das garrafas caiu na grama úmida, causando pouco estrago; a outra não explodiu", contou ele. Todavia, o incidente é apenas mais um em uma seqüência de episódios semelhantes.

Ameaças crescentes

Samir afirmou que "antigamente circulavam panfletos difamatórios e de intimidação". Mas, o que é pior é que "apesar dos meus apelos para que algo fosse feito para encontrar os responsáveis por esses atos, a força de segurança não fez nada".

Em sua carta ao governador, da qual foram enviadas cópias para os chefes da força de segurança local e para os líderes cristãos, o dono da estação de TV reclama que as ameaças contra si estão "em progressão grave e perigosa e precisam ser levadas a sério".

Samir Qumsieh também enfrenta ameaças econômicas. A baixa receita pode forçá-lo a fechar sua estação de TV. O Hamas demonstra interesse em comprar a Al-Mahed.

Finanças não são um problema novo, mas, no passado, Samir chegou a afirmar que "encerrar a emissora seria a pior coisa a fazer. É algo que afeta a comunidade inteira. Se ela fechar, não haverá outra igual".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE