Homens armados matam funcionária de organização humanitária em Cabul

| 20/10/2008 - 00:00


Dois homens armados em uma motocicleta mataram a tiros uma mulher que trabalhava para uma organização de ajuda humanitária no Afeganistão. O atentado ocorreu nesta segunda-feira em Cabul (capital), informaram autoridades. Um porta-voz do Taleban assumiu a autoria do crime.

"Ela estava indo ao trabalho nesta manhã. Havia duas pessoas na motocicleta. Eles atiraram nela e fugiram. Ela morreu pouco depois", disse Mark Lyth, diretor da agência humanitária Serve Afeganistão, em que a mulher trabalhava. "Só posso supor que seja parte de uma ofensiva do Taleban", disse Lyth.

As informações sobre a nacionalidade da vítima ainda são conflitantes. O Ministério das Relações Exteriores britânico informou que o nome da mulher era Gayle Williams. A embaixada britânica em Cabul disse que estava checando se Williams também tinha origem sul-africana, já que informações iniciais davam conta que ela era da África do Sul.

O corpo dela foi encaminhado a um hospital próximo. "A polícia trouxe o corpo da mulher. Os documentos que eles nos deram diziam que ela era sul-africana", disse Mohammad Omar Hadi, vice-diretor do hospital. "Nós ainda não completamos a avaliação, mas as informações iniciais dão conta que ela teve ferimentos provocados por disparos", disse.

Veja notícia completa aqui.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE