Roubo de igreja e estupro de mulher de pastor em Bangladesh

| 23/01/2009 - 00:00


O pastor de uma igreja Batista na vila de Vennabari, a cerca de 100 Km ao sul de Dhaka, disse que, no início do mês de janeiro, muçulmanos o amarraram, roubaram seus quartos na igreja e estupraram sua mulher.

O reverendo Shankar Hazra, 55, da igreja Batista Chaksing, no distrito de Gopalganj, disse que antes de irem embora, os assaltantes profanaram o templo da igreja.

Na noite do ataque, o pastor e sua esposa, 45, foram ao banheiro fora da casa. “De repente, um homem aproximou-se vindo da escuridão e apontou um rifle caseiro no meu peito e me disse para ficar quieto, senão mataria nós dois”, contou o pastor. “Cerca de 7 ou 8 pessoas nos atacaram e amarraram. Eles colocaram uma venda em minha esposa e a levaram para dentro da casa”.

Enquanto o rev. Hazra estava amarrado a um pilar, os assaltantes pegaram as chaves dos cofres e roubaram artigos valiosos: joias de ouro e prata no valor de U$ 500, U$ 300 em dinheiro, celular, televisão, CD players, todas as roupas exceto seu manto e utensílios diversos.

“Eles roubaram até os vestidos de minhas filhas”, diz. “Depois de pegarem tudo, estupraram minha esposa.”

Os assaltantes também perguntaram sobre o paradeiro das duas filhas do casal, que foram embora no dia anterior, depois de passarem o Natal e o Ano Novo com os pais. As meninas, de 22 e 20 anos, regressaram aos estudos em distritos separados.

“Se minhas filhas estivessem em casa naquela noite, teriam sido vítimas assim como a mãe”, diz o reverendo.

Depois que os assaltantes foram embora, o reverendo Hazra se desamarrou e encontrou sua esposa inconsciente na cama.

“Meus vizinhos vieram e levaram-na para o hospital mais próximo, e dali ela foi transferida para um hospital maior em Gopalganj, porque suas condições eram muito graves”, disse.

“Os assaltantes também arrombaram a porta da igreja, urinaram e defecaram lá”, acrescentou o reverendo Hazra.

Ele e sua esposa estão morando temporariamente com parentes para se protegerem de novos ataques à igreja.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE