Crise no Nepal prenuncia novas libertações

| 12/05/2009 - 00:00


“O Nepal necessita de um milagre absoluto", disse o Presidente do Gospel for Asia, KP Yohannan, depois de analisar relatórios dos líderes cristãos no país dividido em conflitos do Himalaia. "Agora temos uma grande emergência, mas o que é pior é que as coisas poderiam voltar para a guerrilha que tivemos durante os últimos 10 anos.”

Dr. Yohannan expressou preocupação em nome das 300 igrejas e 2 faculdades bíblicas que Gospel for Asia (GFA) auxilia no Nepal. Semana passada, manifestantes pró e anti-maoístas estavam queimando pneus e bloqueando ruas na cidade de Kathmandu, capital do Nepal.

A crise começou a partir de uma pequena disputa entre o partido maoista em governo, que venceu as eleições mais recentes, e a oposição sobre a integração dos ex-combatentes rebeldes maoístas no exército regular do Nepal.

O acordo de paz que encerrou a guerra civil ao longo da última década chama os soldados rebeldes a serem integrados ao exército. Mas a pergunta que dividiu o governo é o quão rápido a integração deveria ter lugar e que os ex-rebeldes individuais deveriam ser examinados minuciosamente antes de sua admissão no exército.

A disputa tornou-se aberta, quando o Primeiro-Ministro maoista, Prachanda, tentou demitir o mais alto general do exército. O Presidente do Nepal, Ram Baran Yadev, um membro do principal partido da oposição, disse ao general para não desistir.

No que foi visto como um sinal positivo em prol da nova democracia do Nepal, Prachanda escolheu a demitir-se em vez de agravar a situação.

Felizmente, a sua decisão evitará a ação dos 19.000 ex-combatentes rebeldes agora confinados a quartéis não-supervisionados. Mas, na verdade, ninguém sabe o amanhã pode trazer.

“Estamos extremamente preocupados com o futuro do Nepal,” disse o Dr. Yohannan, “e nós pedimos que os cristãos ao redor do mundo orem por esta situação volátil."

Ele também pede oração para que a situação política do Nepal possa se estabilizar, e também pela segurança dos trabalhadores auxiliados pela GFA e suas famílias, no Nepal.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE