Esposa de pastor é multada por "prejudicar a ordem pública"

| 24/08/2009 - 00:00


A esposa de um pastor cubano, que perdeu o bebê depois de ser atacada na rua por uma vizinha está sendo multada com o equivalente a mais de dois meses de salário, acusada de “perturbar a ordem pública” no dia da agressão.

De acordo com o grupo Christian Solidarity Worldwide (CSW), Gilianys Meneses de los Rios, nora do reverendo Roberto Rodriguez e esposa do pastor Eric Gabriel Rodriguez, compareceu ao tribunal na segunda, 17 de agosto. Ela está sendo multada em 600 pesos (US$ 648), que é o dobro do salário mensal em Cuba, por ser atacada pela esposa de um vizinho, em dezembro de 2008.

Um porta-voz da CSW disse: “O ataque foi o mais recente em uma série de agressões contra a família Rodriguez, realizada com total apoio das autoridades. Isso acontece devido ao envolvimento da família na Associação interdenominacional de pastores e ministros evangélicos cubanos.

Alexa Papadouris, advogada do CSW, disse: “É uma injustiça terrível que Gilianys Meneses de los Rios seja multada por um crime que ela não cometeu e por um incidente em que ela foi a vítima. Pedimos para que o governo cubano investigue esse caso e todas as outras acusações contra a família Rodriguez”.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE