Conferência de líderes é adiada por "questões de segurança"

Uma reunião de líderes cristãos do Oriente Médio que seria realizada no próximo mês no Egito foi adiada devido a “questões de segurança”.

Oficiais cristãos de mais de 20 nações no Oriente Médio participariam do congresso “Call2All” (chamado para todos), que estava marcado para os dias 1 a 4 de dezembro de 2009.

“Planejamos o evento para o mês de dezembro no Egito, mas o comitê pediu que mudássemos para abril em um local diferente, por questões de segurança”, disse o presidente da Call2All, Mark Anderson.

A organização se define como um “movimento mundial”, e pede para que os cristãos se envolvam na Grande Comissão descrita na Bíblia, que inclui a evangelização, como explica Jesus em Mateus 28.18-20.

As forças de segurança egípcias tentaram frustrar os preparativos para o evento. “A liberdade que nós temos em nossa região é parcial e limitada em diversos aspectos. Recebemos uma mensagem direta da polícia do estado dizendo que estão monitorando de perto nossos esforços para realizar o evento”, disse o comitê organizador do evento.

 “Isso poderia significar que um alto nível de restrições de viagem seria imposto, o status de alguns missionários seria afetado e haveria problemas de segurança. Em vista disso, concordamos que realizar a conferência nessas condições limitaria o evento consideravelmente.”

“O comitê foi sábio, e mudar o evento para abril nos dará mais tempo para servir todos que quiserem vir. Estávamos nos planejando para 500 líderes, mas agora parece que virão muitos outros.”

Mark Anderson pediu que os irmãos continuem orando pelos líderes cristãos do Oriente Médio, pois “eles enfrentam muitos desafios todos os dias.”