Países mais populosos apresentam menor liberdade religiosa

Um novo relatório indicou que 1/3 dos países impõe restrições às práticas religiosas, tanto por causa da política do governo, quanto por atos hostis realizados por indivíduos ou grupos.

Isso impede a liberdade religiosa de 70% da população mundial, já que muitos dos países mais restritivos são muito populosos.

O estudo realizado pelo Pew Research Center demonstra que os cidadãos dos 25 países mais populosos, como Irã, Egito, Indonésia, Paquistão e Índia, sofrem graves restrições religiosas.

Os Estados Unidos, Inglaterra, Brasil, Japão, Itália e África do Sul são países com maior liberdade religiosa, menor interferência do governo e violência e agressões baseadas em questões religiosas.