Pastor Behnam Irani enfrenta 18 novas acusações

| 18/09/2014 - 00:00


18_Iran_SITE.jpg

A saúde de Irani é frágil e ele foi mantido por longos períodos em confinamento solitário. Em junho, o pastor foi levado da prisão e, temporariamente, confinado em um centro de detenção do Ministério da Inteligência e Segurança Nacional do Irã. Em cinco ocasiões ele enfrentou períodos de quatro horas de interrogatório.
Entre as novas acusações feitas ao pastor, está a acusação de Mofsed-e-filarz , que se traduz como"" espalhar a corrupção na Terra "", e que leva à pena de morte.

Mofsed-e-filarz é uma acusação que foi amplamente utilizada durante os primeiros dias da revolução iraniana, e resultou na execução de muitos  “inimigos do Estado”. Seu uso em casos como o do pastor Irani reflete o que parece ser um aumento da repressão e da segmentação das minorias étnicas e religiosas no Irã.

Dois outros líderes da igreja, o pastor Matthias Haghnejad e Silas Rabbani, também foram acusados de tal delito. Alega-se que os três homens foram forçados a confessar as acusações de espionagem.

Behnam Irani se tornou cristão em 1992, e pastor em 2002. Ele pastoreava uma igreja evangélica em Karaj quando foi preso. É casado com Kristina, uma cristã armênia. Eles têm dois filhos: a Rebecca, de 11 anos; e o Adriel, de 5 anos.

Pedidos de oração

  • Ore pelo pastor Irani e sua família, para que eles sintam a presença e o apoio do Senhor nestes dias tão difíceis.
  • Peça para que a justiça prevaleça sobre a vida dos cristãos presos.
  • Interceda pelos funcionários das prisões, para que eles ajam com justiça, amor e misericórdia, e conheçam Jesus como seu Salvador.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE