Veja como foi a última Tarde de Oração

| 10/08/2015 - 00:00


Na última terça-feira (4), a sede das Portas Abertas, em São Paulo, recebeu irmãos dispostos a intercederem pela Igreja Perseguida e, desse modo, conhecerem um pouco mais de perto a realidade dos nossos irmãos. A tarde foi realizada pelo ministério Mulheres do Caminho da Portas Abertas. A palavra inicial falou sobre o ensinamento de Jesus orientando-nos a amarmos o nosso próximo, abrindo mão da liberdade que o mundo nos oferece, a fim de sermos chamados servos de verdade.

Conhecendo o Irã
A pastora Claudia* foi a responsável pela palavra principal, ela e o esposo visitaram o Irã a convite de um casal de amigos muçulmanos. A pastora compartilhou muitas experiências que viveu no país 7º colocado na Classificação da Perseguição Religiosa 2015, o Irã. Lá, cristãos relatam violência física, ameaças e discriminação por causa de sua fé. Muitos cultos têm sido monitorados pela polícia secreta.

Claudia ficou impressionada com fé e fidelidade dos muçulmanos, ela conta que eles realmente acreditam que são livres e felizes. Em uma de suas experiências, ela conheceu uma esposa de um militar que muito discretamente confessou que era cristã por meio de sua pulseira. Como no Irã é proibido falar de Cristo, a mulher carregava uma pulseira com toda história de Jesus contada por pingentes.

No tempo que passou lá, Claudia e seu esposo leram o Alcorão com o objetivo de alçarem base e fundamentos para defender o evangelho. “No livro sagrado do islã, é permitido, por exemplo, que o homem bata na mulher – com exceção das partes frágeis”, afirmou ela. Ela também conheceu uma brasileira que disse que só estava no Irã porque, ao ficar grávida, o esposo iraniano disse que se o bebê fosse menino eles continuariam vivendo no Brasil, porque homem se cria em qualquer lugar. Mas, se o bebê fosse menina eles se mudariam para o Irã, porque mulheres devem ser criadas lá.

Depois da participação da pastora Claudia, as mulheres se reuniram em intercessão por casos específicos da Igreja Perseguida. Se você se interessou em participar de uma Tarde de Oração, confira a agenda do encontro realizado pelo ministério de mulheres da Portas Abertas.

Convite
No dia 2 de outubro, teremos mais uma Tarde de Oração. Especialmente, nesse dia, contaremos com a presença da cristã norte-coreana Hea-Woo. Chame seus irmãos e venha ser impactado nesse encontro marcante.

*Nome alterado por motivos de segurança.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE