Cristãos norte-coreanos enfrentam a seca

| 15/08/2017 - 00:00


De acordo com informações da BBC, a Coreia do Norte enfrenta a pior seca da década, com a escassez severa de alimentos. A situação se agravou porque a ajuda humanitária foi muito reduzida nos últimos anos, em parte por causa das sanções impostas à Coreia do Norte em retaliação a seu programa armamentista, que aumentaram o isolamento da nação que é vista como o país mais fechado do mundo, além de ocupar o 1º lugar na Lista Mundial da Perseguição, há 15 anos.

“As condições climáticas excepcionalmente áridas, entre os meses de abril a junho, afetou a colheita de arroz, milho, batata e soja, deste ano”, informou a UCA News. Dessa forma, o governo norte-coreano diminuiu as porções de alimentos, indispensáveis para a sobrevivência de grande parte da população, durante e entressafra que vai até setembro.

Um dos colaboradores da Portas Abertas comenta: “Embora seja oficialmente acordado que as crianças e os idosos estão em maior risco, de forma extraoficial, milhares que vivem nos campos de trabalho forçado, como prisioneiros, muitos deles cristãos, receberão menos alimento e, provavelmente, correm mais risco de fome nesse momento”, conclui. Ore pelos nossos irmãos durante esse momento difícil.

Leia também
Líder cristão canadense é libertado sob fiança
O único lugar onde podíamos adorar


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE