Menino de quatro anos é expulso de escola por ser cristão

A professora disse aos pais que não pode aceitar um aluno cristão

Portas Abertas • 1 dez 2023


O pequeno Jahangir sequer entendeu o que estava acontecendo

O pequeno Jahangir sequer entendeu o que estava acontecendo

Uma professora expulsou Jahangir*, um menino cristão de quatro anos, da escola em Bangladesh. Jahangir sempre ia com um sorriso no rosto às aulas, por isso não entendeu quando a professora o mandou voltar para casa, assim como Ashana*, mãe do menino, quando o viu chegar tão cedo.  


Inicialmente, a docente disse que não havia espaço para a criança na sala de aula, mas os pais de Jahangir descobriram que a razão dos maus-tratos é a conversão da família, que deixou o islã para seguir a Jesus. Eles conversaram com a professora no dia seguinte à expulsão, e ela disse que “os meninos muçulmanos vão parar de ir à escola se o menino [Jahangir] for e se sentar com eles. Eles não vão querer se sentar no mesmo banco que um menino cristão durante as aulas". 
 


Muitas crianças compartilham a mesma realidade em Bangladesh. Na nação, que ocupa o 30
° lugar na Lista Mundial da Perseguição 2023, apenas 0,6% da população é cristã. Entre eles, os cristãos de origem muçulmana são vistos por radicais islâmicos como infiéis e cidadãos de segunda classe.  


Os perseguidores não poupam as crianças pela idade. Na verdade, em muitos casos, elas são
vítimas dos ataques mais cruéis, até mesmo dentro da escola, pois não sabem se defender e porque a pressão atinge direta e profundamente os pais das vítimas. Em grande parte dos casos, as famílias de cristãos de origem muçulmana são os alvos.  


A oposição faz com que muitos jovens cristãos vivam a fé em segredo para evitar discriminação e ataques. Quando a pressão é maior na escola, alguns desses jovens também perdem o interesse pelos estudos e ficam retraídos.
O local que deveria oferecer educação, se torna um espaço de dor e bullying.  


Os pais nem sempre sabem lidar com essas situações, pois eles mesmos também são vítimas de perseguição, o que torna o crescimento das crianças cristãs ainda mais desafiador. Atualmente, parceiros locais estão auxiliando a família de Jahangir a enfrentar biblicamente a perseguição. Ore por ele, pelos pais e todas as crianças perseguidas em Bangladesh.  
 

Diante desse cenário, há algo que você pode fazer. Veja abaixo como você pode abençoar crianças cristãs perseguidas em Bangladesh com uma Bíblia para fortalecer a fé delas.

*Nomes alterados por segurança. 


Bíblias para crianças perseguidas em Bangladesh 

É preciso cuidar da nova geração cristã em Bangladesh. As crianças cristãs precisam saber que não estão sozinhas e como as Escrituras podem ajudá-las a resistir à perseguição. Neste final de ano, envie Bíblias como presente para crianças perseguidas em Bangladesh.
 

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco