Cristãos perseguidos promovem encontro de oração

| 02/08/2006 - 00:00


Os cristãos perseguidos da Índia estão reunidos hoje (2/8) em Bangalore para o primeiro encontro "de oração e testemunho" na história da nação. Entre os participantes estão sete viúvas cujos maridos foram mortos por sua fé e mais de 150 pastores que foram, ou ainda são, perseguidos por sua fé cristã. O tema do encontro é: "Espinhos... e a coroa".

O encontro de um dia contará com testemunhos evidentes de perseguição e violência sofridos pelos cristãos indianos. Sajan George, presidente do Conselho Global dos Cristãos da Índia, declarou à agência de notícias AsiaNews: "Através do sangue dos mártires a Índia foi evangelizada e essa é nossa preciosa herança. Tomé, o apóstolo que trouxe o evangelho para a Índia, foi martirizado aqui. Do mesmo modo, vivemos em esperança, aguardando a ressurreição, certos de que o sangue dos mártires não é derramado em vão".

Apoio efetivo

Sajan acrescentou: "Esse encontro é o primeiro desse tipo na nossa história cristão. Queremos formar uma rede de encorajamento e apoio efetivo às vítimas e suas famílias. Oramos e esperamos que nossa fé seja renovada e restaurada através das nossas orações".

"Expressamos nossa solidariedade para com aqueles que têm sido vítima de perseguição religiosa na Índia e oramos para que Deus lhes conceda uma fé vigorosa e coragem para continuar dedicando suas vidas ao povo de Deus", disse Babu Joseph, porta-voz da Conferência Católica dos Bispos da Índia. E completou: "Desejamos aos organizadores desse encontro de oração em Bangalore as mais preciosas bênçãos de Deus".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE