Pastor batista não aceita "oferta de anistia"

| 24/10/2007 - 00:00


Foram anistiados quatro dos seis prisioneiros religiosos de consciência no Turcomenistão após jurarem lealdade ao Alcorão durante o Ramadã, informou o “Forum 18” . Porém, um dos quatro, o pastor batista Vyacheslav Kalataevsky, que não aceitou a oferta, permanece mantido sob custódia e pode ser deportado.

"Nós estamos preocupados porque há uma esperança mínima de que ele fique aqui", disse um dos membros da família do pastor ao "Forum 18". "A família e a Igreja querem que Vyacheslav fique e ele quer ficar”, contou a fonte.

Parentes dizem que a embaixada ucraniana também apelou às autoridades turcomanas em favor de Kalataevsky para que ele receba autorização para viver com a família no Turcomenistão. Entenda o caso.

Os três outros prisioneiros religiosos anistiados são Testemunhas de Jeová que tiveram suas sentenças suspensas por se recusarem a fazer parte do Exército, por questões de consciência religiosa.

Nenhum funcionário foi encontrado disponível para explicar ao “Forum 18” por que não foram anistiados dois dos prisioneiros religiosos e por que Kalataevsky não pode voltar à família dele. Outra dúvida é por que alguns dos prisioneiros anistiados tiveram que jurar lealdade ao Alcorão e ao Ruhnama (Livro da Alma).

De acordo com o relato de um parente de Vyacheslav Kalataevsky, o pastor é mantido em uma cela com outros 30 homens."Colchões só entram à noite e durante o dia os prisioneiros têm que sentar ou deitar no chão de concreto frio. Eles são mantidos sem condições de higiene e sem possibilidade de tomarem banho”.

Familiares pediram às autoridades permissão para trazer o pastor batista para ficar com eles em Ashgabad, enquanto a aguardam decisão sobre o futuro dele. "Mas o pedido foi recusado. Nós tentamos descobrir o que acontecerá a ele. O serviço de imigração nos falou que o caso está no Ministério de Assuntos Exteriores e no Ministério do Interior. Eles não nos dão informações concretas", disse um parente.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE