Governo norte-coreano executa 15 por tentativa de fuga

| 07/03/2008 - 00:00


A Coréia do Norte executou 15 pessoas em público por tentar fugir ou ajudar outras pessoas a escaparem através da fronteira com a China, informou ontem o jornal sul-coreano “Kyonghyang Sinmun”.

Segundo o grupo "Bons amigos", que ajuda refugiados norte-coreanos, 13 mulheres e dois homens foram executados a tiros há duas semanas em uma ponte em Onseong, localidade fronteiriça com a China, na província de Hamkyong.

O órgão indicou que a maioria tentava fugir ou ajudar outros moradores a atravessarem a fronteira com a ajuda de seus familiares estabelecidos na China.

Segundo as fontes, as autoridades norte-coreanas avisaram a todos os cidadãos da localidade para que assistissem à execução.

Um funcionário norte-coreano informou que se tratou de uma advertência aos que tentem atravessar a fronteira de forma ilegal.

Para conhecer um pouco mais sobre a realidade dos norte-coreanos, a Portas Abertas publicou o livro "Fuga da Coréia do Norte", de Paul Estabrooks. Se quiser ler um capítulo ou saber como adquiri-lo, clique aqui.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE