O comerciante Shi Weihan já perdeu 10kg na prisão

| 06/08/2008 - 00:00


O dono de uma livraria cristã e líder de uma igreja doméstica, Shi Weihan, tem sofrido problemas de saúde desde sua prisão, há quatro meses.

A Associação de Ajuda à China (CAA, sigla em inglês) afirma que as condições precárias da prisão e a recusa de medicamentos para diabetes são fatores que têm contribuído para a piora de seu estado de saúde. Shi já perdeu mais de 10kg em meio à constante tortura física e psicológica praticada por parte dos oficiais.

A CAA diz que Shi foi recentemente coagido a assinar e reconhecer uma confissão de que ele havia “se engajado na impressão e distribuição de uma grande quantidade de publicações ilegais” ( relembre o caso).

As acusações referem-se às impressões de Bíblias e literatura cristã, vendidas em sua livraria evangélica perfeitamente legalizada, em Pequim (Beijing). Entretanto, as Bíblias foram consideradas “ilegais” porque não foram impressas pela Igreja do Movimento Patriótico das Três Autonomias (Three-Self Patriotic Movement Church), instituição cristã reconhecida pelo governo chinês.

Bob Fu, presidente da CAA,  disse que “a China, como sede dos Jogos Olímpicos, que representam honra e liberdade para todos os cidadãos do planeta, simula para o mundo uma liberdade religiosa ao mesmo tempo que persegue seus cidadãos por suas crenças pessoais”.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE