Ore por uma cristã e a filha que foram expulsas de casa

Elas estão vivendo em um abrigo temporário em Bangladesh

| 18/07/2021 - 06:00

Rubina e a filha Shalma estão morando em um lar temporário, na casa de um cristão em Bangladesh (foto representativa)

Rubina e a filha Shalma estão morando em um lar temporário, na casa de um cristão em Bangladesh (foto representativa)


Ontem a Portas Abertas começou a contar a história de Rubina, uma cristã em Bangladesh que foi expulsa de casa e agredida pelo marido após a conversão. Além de bater na seguidora de Jesus, o esposo dela ameaçou o pastor local: "Se você continuar fazendo suas atividades religiosas nesta aldeia, eu vou bater em você."

Então, em junho, o marido de Rubina se divorciou verbalmente dela - o divórcio oral é uma forma islâmica de divórcio, pela qual o cônjuge pronuncia a palavra "Talaq" três vezes e o divórcio é eficaz. Ele também a expulsou de casa com um aviso claro de que ela nunca mais entraria naquela lugar.

Rubina e a filha de 18 anos, Shalma*, tiveram que sair de casa. Nem mesmo os pais da cristã apoiariam ou deram abrigo para elas. Por isso, ela estão morando provisoriamente na casa de um cristão local. 

A cristã tinha um emprego antes da conversão, mas ao ser expulsa de casa e receber o divórcio, ela também foi demitida e está com dificuldades para encontrar um novo trabalho. Para a cultura local, as mulheres não devem morar sozinhas, sem a presença de um homem. Por isso, Rubina e a filha correm o risco de serem atacadas por homens da aldeia. 

Apesar de sua situação parecer desanimadora, Rubina ainda mantém a fé e compartilhou a boa notícia sobre Jesus com a irmã, que está mais aberta para entender o evangelho. Os parceiros da Portas Abertas em Bangladesh pedem orações pelas cristãs e já forneceram alimentos básicos, como arroz, óleo de cozinha, sabão e batatas a elas. 

*Nomes alterados por segurança.

 

Pedidos de oração 

  • Interceda pela vida de Rubina e da filha Shalma, para que Deus dê paz e esperança de dias melhores. 
  • Ore para que o marido e a família da cristã sejam impactados pelo amor de Cristo e também passem a propagar as boas obras do Senhor. 
  • Clame para que o pastor e os cristãos locais forneçam apoio físico, espiritual e mental para a cristã e para que eles não percam a fé em Cristo.  

Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE