Quando é a independência de Burkina Faso?

Muitos cristãos locais foram forçados a fugir devido à violência

| 05/08/2021 - 06:00

Os cristãos de Burkina Faso enfrentam perseguição vinda de amigos, familiares e da comunidade onde vivem

Os cristãos de Burkina Faso enfrentam perseguição vinda de amigos, familiares e da comunidade onde vivem


Hoje, 5 de agosto, é dia em que Burkina Faso conquistou a independência da França em 1960. Durante os anos 1970 e 1980, o país passou por um período de instabilidade, com repetidos golpes militares. No início dos anos 1990, a situação mudou com a realização de eleições multipartidárias. O primeiro presidente, Maurice Yameogo, renunciou em 1966 após contínuas greves operárias e entregou o poder ao tenente-coronel Sangoule Lamizana. Ele permaneceu no poder durante toda a década de 1970, como presidente militar e, em seguida, civil. 

Burkina Faso é um país sem acesso ao mar, de recursos naturais escassos, mas de grande importância na África Ocidental. O país faz fronteira com países como Beni, Gana, Togo, Mali e Níger, e ocupa a 32ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2021. Parceiros da Portas Abertas acreditam que a perseguição aos cristãos no país se tornou pior no último ano. A violência diminuiu, mas a crise causada pelos ataques extremistas islâmicos continua a impulsionar o sofrimento e as dificuldades para a comunidade cristã em Burkina Faso.  

A Portas Abertas estima que há mais de 1 milhão de pessoas deslocadas internamente no território e muitas são cristãs. Ataques extremistas expulsaram seguidores de Jesus das casas e aldeias e os forçaram a ir para campos de refugiados. Além de não existir igrejas em partes do Nordeste do país, os cristãos foram afetados pela violência e pela pandemia da COVID-19.  

Os seguidores de Cristo que se converteram do islã também enfrentam pressão da família e comunidade. Os parentes costumam rejeitar os cristãos ex-muçulmanos, e novos cristãos podem ser pressionados a renunciar à fé em Jesus. Isso também significa que os novos convertidos vindos do islã são frequentemente relutantes em tornar a fé pública. Burkina Faso tem reputação de tolerar várias crenças, mas essa característica está cada vez mais em risco.    

Pedidos de oração 

  • Nesse Dia da Independência de Burkina Faso, interceda para que a luz de Cristo brilhe no país e a população tenha a realidade mudada pelo salvador. 
  • Clame para que o amor de Deus alcance governantes influentes e os encha de sabedoria e compromisso com a justiça. 
  • Peça por fortalecimento a todos os cristãos que vivem no território, para que consigam testemunhar as maravilhas de pertencer a Cristo. 

Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE