Restrições são implantadas para educação religiosa de crianças e jovens

Na China, escolas dominicais foram fechadas, acampamentos de férias banidos e menores de 18 anos impedidos de cultuar em igrejas

| 21/06/2019 - 12:00

Governo chinês quer ensinar as crianças a amarem o Partido Comunista, o patriotismo e as pessoas

Governo chinês quer ensinar as crianças a amarem o Partido Comunista, o patriotismo e as pessoas


A China é um país vasto e diverso, por isso, as políticas do governo acabam não sendo igualmente aplicadas em todos os lugares. Contudo, mais restrições foram implantadas na educação religiosa de jovens e crianças. Em diversos lugares, creches e escolas dominicais foram fechadas, acampamentos de verão banidos e todos com menos de 18 anos impedidos de participar de cultos em igrejas.

O presidente chinês, Xi Jinping fez um discurso recente que analistas disseram ser uma deturpação de fatos históricos. Parece que “o partido está tentando impressionar os jovens a continuar sendo um alvo para a propaganda do partido”, disse Thomas Muller, analista da Portas Abertas. Na província de Jiangxi, o governo começou a implantar cursos da “cultura vermelha” na educação, de creches a universidades, para ensinar as crianças a “amar o partido, o patriotismo e as pessoas”, disse um oficial do governo ao portal de notícias chinês Sohu.

“O que o Estado está fazendo é um investimento considerável em crianças pequenas, momento em que elas são mais fáceis de influenciar”, disse Muller. Também afirmou que a doutrinação ideológica é desperdiçada com cidadãos que não podem ser controlados, e que, por isso, o presidente, nos passos de Mao Zedong, tenta um contínuo “controle de massa”, no qual todas as pessoas monitoram as atividades de todos. O governo está investindo bilhões em desenvolvimento e uso de programas de vigilância de alta tecnologia para monitorar pessoas e, particularmente, para ficar de olho nas minorias.

A China está na 27ª posição da Lista Mundial da Perseguição 2019. Os principais tipos de perseguição no país são opressão comunista e pós-comunista, opressão islâmica, nacionalismo religioso e paranoia ditatorial. Dos 1,4 bilhões de habitantes, apenas 6,9% são cristãos. Dos demais 31% são agnósticos, 16,3% budistas, 6,8% ateístas e 1,7% muçulmanos.

Pedidos de oração

  • Interceda pelas crianças e jovens chineses, para que sua fé esteja firmada em Cristo.
  • Apresente a vida dos governantes do país, para que conheçam a graça de Deus.
  • Ore para que os cristãos chineses tenham liberdade, sem precisarem ser monitorados pelo governo.

Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE