Treinamento para cristãos das Montanhas Nuba do Sudão

Cerca de 100 mulheres participaram do treinamento, inclusive a viúva Seida, que é intimidada pela família para voltar ao islã

| 18/03/2019 - 00:00

Cristãos participam de formatura de estudantes de seminário bíblico nas Montanhas Nuba do Sudão

Cristãos participam de formatura de estudantes de seminário bíblico nas Montanhas Nuba do Sudão


O calor é sufocante. O sol bate no solo de terra vermelha nas Montanhas Nuba do Sudão. Mulheres caminham horas e passam muito tempo em veículos abertos. Apesar do calor e da distância, elas não queriam perder a rara oportunidade de desfrutar da comunhão e encorajamento do corpo de Cristo. As cerca de cem mulheres chegavam para participar de alguns dias de treinamento dado por uma equipe de fora do país.

Após um período de louvor em que seus corpos movimentavam suas roupas coloridas em adoração a Deus, elas leram o capítulo 1 do livro de Rute, na Bíblia. Depois se dividiram em pequenos grupos para discutir os versículos 22 e 23 e também falar abertamente sobre suas cargas e alegrias umas com as outras. Uma delas é Seida Nuri (pseudônimo), uma viúva na casa dos 50 anos. Ela abandonou o islamismo para seguir a Cristo muitos anos atrás. Ela era casada com Peter, um cristão. Mas quando a guerra eclodiu, em 2011, ele se juntou ao exército e foi morto no campo de batalha. Ela dependia totalmente do marido e foi uma luta para ela criar os filhos sozinha.

A família de Seida está disposta a ajudá-la a recomeçar a vida desde que ela negue a Jesus, mas ela diz: “Isso é um teste para minha fé. Eles me oferecem tentações e exigem algo que não posso fazer. Eles sabem que estou com dificuldade para ganhar o pão de cada dia. Mas querem me testar oferecendo algo que eu facilmente aceitaria (na mente deles). Eu disse para eles que aceitaria a ajuda, mas não abandonaria minha fé. Eles me disseram: ‘então deixe seu povo te ajudar’. Eles frequentemente me perguntam se mudei de ideia”.

Ajuda da família da fé

Seus sogros, que são cristãos, fazem o possível para ajudá-la, assim como a igreja. Seida compartilha: “Sou grata pelos líderes da igreja. Eles até me ensinaram a bordar e estou tentando achar um modo de ganhar meu sustento através disso”.

Através de parceiros locais, a Portas Abertas está envolvida com a igreja das Montanhas Nuba do Sudão há muitos anos. Uma das áreas em que ajudamos foi treinar líderes para discipular cristãos em circunstâncias difíceis. A igreja pediu ajuda à Portas Abertas para prover comida para viúvas, como Seida. Nós pudemos fazer isso graças às doações de nossos parceiros. Isso está ajudando os mais vulneráveis entre eles.

Sobre o treinamento, algumas mulheres apresentaram uma pequena peça para mostrar como o Senhor interveio em seus problemas, para encorajar umas às outras. Seida diz: “Foi bom orar juntas e compartilhar nossas preocupações. Estou determinada a continuar confiando no Senhor, mesmo quando as coisas são incertas”.

Pedidos de oração

  • Ore pela vida espiritual das viúvas, como Seida, das Montanhas Nuba do Sudão, para que possam crescer e servir a Deus.
  • Clame pela provisão de Deus para a igreja e para todos os necessitados da região.
  • Interceda pelos líderes cristãos e peça que tenham sabedoria e coragem para continuar o trabalho.

Ajude-os a perseverar
Além de orar, você pode levar encorajamento aos nossos irmãos sudaneses para que perseverem em meio à perseguição. Com uma doação, você capacita cristãos da África Subsaariana a receber material de treinamento para que assim a Igreja Perseguida seja fortalecida e alcance outros com o evangelho da salvação.

Leia também
Presidente do Sudão declara estado de emergência
Abusos de direitos humanos no Sudão
A perseguição aos cristãos do Sudão
Como vive um cristão sudanês?


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE