Violência contra as minorias, entre elas cristãos, chega ao máximo na Índia

Para que a realidade dos cristãos indianos mude, participe de nossa campanha global, orando, doando ou divulgando-a para outras pessoas

Um grupo de uma casta superior atacou tribais com objetivo de tomar posse de 90 bighas (unidade de medida local referente a aproximadamente 120 m²) de uma terra disputada na cidade de Ghorawal, no distrito de Sonbhadra, na Índia.

Dez tribais foram mortos e 28 ficaram feridos enquanto fugiam do grupo que liderou os ataques com varas e armas, em 17 de julho. Até agora, 29 pessoas ligadas aos confrontos foram presas. Além disso, o incidente deu início a uma grande briga política entre o partido do governo, o BJP, e o Congresso.

Em resposta à crescente onda de perseguição extremista, a Portas Abertas lançou uma campanha global para que a igreja indiana seja apoiada e permaneça viva. Nosso objetivo é, por meio da oração e apoio de cristãos em todo o mundo, combater a ascensão de nacionalistas extremistas hindus, fortalecer a igreja e ampliar nosso trabalho no campo, de modo que alcance todos os cristãos vulneráveis à perseguição na Índia.

Envie equipes de resposta rápida
Quando cristãos na Índia enfrentam perseguição, geralmente, lidam também com diversos tipos de necessidade. Para isso, enviamos equipes de resposta rápida – formadas por voluntários – que oferecem alimentos, itens de necessidade básica, ajuda na renda e assistência jurídica. Com uma doação, você patrocina uma equipe de resposta rápida por cerca de um mês.