Brunei

Posição no ranking:

44

Brunei
  • Tipo de Perseguição Opressão islâmica, paranoia ditatorial
  • Pontuação na pesquisa
    66
  • ReligiãoIslamismo
  • CapitalBandar Seri Begawan
  • População449 MIL
  • População cristã54,2 MIL

Doe agora!

R$

Como é a perseguição aos cristãos em Brunei? 

À medida que a sharia (conjunto de leis islâmicas) continua a ser implementada em Brunei, os cristãos enfrentam mais restrições para se reunir e adorar em público. Segundo essas leis, a conversão do islã é ilegal, e a pressão é intensa sobre quem segue a Jesus. Muitas igrejas protestantes não podem se registrar como igrejas e são forçadas a se registrar como empresas ou organizações seculares que submetem relatórios financeiros e organizacionais ao governo anualmente. 

Brunei tem diretrizes rígidas sobre qualquer culto não islâmico. Celebrações públicas de Natal são proibidas, sendo permitido celebrar apenas em locais onde os muçulmanos não podem ver. As Bíblias são de uso pessoal, controladas e sua importação não é permitida. As atividades da igreja são monitoradas, e compartilhar a fé com muçulmanos é ilegal. 

Todos os cristãos enfrentam algum nível de discriminação, embora os convertidos do islamismo sejam alvos específicos de pressão da família, da comunidade e do governo. As mulheres que não usam o véu islâmico podem ser pressionadas a fazê-lo em alguns locais públicos, como escolas ou escritórios oficiais. Além disso, é proibido utilizar a Bíblia se a maioria da comunidade for muçulmana.  

Eu estava sentada em um canto lendo a Bíblia, quando algumas meninas se aproximaram de mim perguntando por que eu tinha levado uma Bíblia para a escola. Elas gritaram: Deixe este livro em casa!’. Fiquei com tanto medo. Elas eram minhas amigas. Nunca as tinha visto tão bravas antes. 

Lina (pseudônimo), jovem cristã em Brunei   

Como as mulheres são perseguidas em Brunei? 

Um dos desafios diários mais evidentes para uma mulher cristã em Brunei é o vestuário. Devido à implementação rigorosa das leis islâmicas, espera-se que todas as mulheres usem o hijab (véu islâmico) e podem ser punidas pelas autoridades religiosas se desobedecerem. Isso também se aplica às cristãs de origem muçulmana.   

Embora as mulheres de famílias cristãs desfrutem de mais liberdade, elas também podem sofrer discriminação ou pressão se não usarem véu na cabeça na escola, na universidade ou no local de trabalho.  

Quando a conversão de uma mulher é descoberta, ela pode ser rejeitada e isolada pela família. Os familiares podem convocar líderes religiosos muçulmanos para fazê-la retornar à antiga fé, ou forçá-la a frequentar programas islâmicos de reabilitação espiritual. As cristãs solteiras podem ser forçadas a se casar, enquanto as casadas perdem a guarda dos filhos, como garantia de que eles permaneçam muçulmanos.  

Como os homens são perseguidos em Brunei? 

Os cristãos de origem muçulmana são rejeitados pela família e expulsos de casa. Eles também podem enfrentar agressão física, humilhação e maus-tratos por parte das autoridades religiosas. São também pressionados a renunciar à fé cristã, o que afeta seus parentes mais próximos e envergonha a comunidade. Os cristãos podem enfrentar discriminação e abuso em escolas e universidades.  

O que a Portas Abertas faz para ajudar os cristãos em Brunei? 

A Portas Abertas promove apoio espiritual por meio de campanhas de oração em favor dos cristãos perseguidos em Brunei. 

Como posso ajudar os cristãos perseguidos em Brunei? 

Além de orar por eles, você pode ajudar de forma prática doando para o projeto da Portas Abertas de apoio aos cristãos perseguidos que enfrentam maiores necessidades. 

QUERO AJUDAR

Quem persegue os cristãos em Brunei? 

O termo “tipo de perseguição” é usado para descrever diferentes situações que causam hostilidade contra cristãos. Os tipos de perseguição aos cristãos em Brunei são: opressão islâmica, paranoia ditatorial. 

Já as “fontes de perseguição são os condutores/executores das hostilidades, violentas ou não violentas, contra os cristãos. Geralmente são grupos menores (radicais) dentro do grupo mais amplo de adeptos de uma determinada visão de mundo. As fontes de perseguição aos cristãos em Brunei são: oficiais do governo, parentes, líderes religiosos não cristãos, líderes de grupos étnicos. 


Pedidos de oração de Brunei 

  • Ore para que Deus dê sabedoria e força aos cristãos que são oprimidos pela lei por seguirem a Cristo.  
  • Clame para que os cristãos mais jovens tenham coragem para continuar seguindo a Cristo, apesar da pressão dos colegas e das críticas dos amigos. 
  • Interceda para que haja mais liberdade de comunhão e adoração a Jesus em Brunei.

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco