Como a Portas Abertas mede a perseguição?

Saiba como a Portas Abertas faz o ranking dos lugares mais difíceis para viver a fé

| 07/01/2022 - 16:30

A Lista Mundial da Perseguição foi criada com o intuito de monitorar e medir a perseguição aos cristãos no mundo

A Lista Mundial da Perseguição foi criada com o intuito de monitorar e medir a perseguição aos cristãos no mundo


Antes de mais nada, precisa-se definir o que é perseguição. A Lista Mundial da Perseguição (LMP) entende que perseguição é qualquer hostilidade recebida por causa da fé em Jesus, seja por meio de palavras, atitudes ou ações. Desde 1992, o departamento de pesquisa da Portas Abertas coleta dados e informações de forma sistemática sobre a perseguição aos cristãos no mundo. Em 1993, foi lançada a primeira Lista Mundial da Perseguição.

A pesquisa foi criada com o intuito de monitorar e medir a perseguição aos cristãos no mundo. A equipe desenvolveu uma metodologia própria para o processo de elaboração da LMP. Para garantir credibilidade, transparência, qualidade e objetividade, a metodologia passou por atualizações ao longo dos anos, e atualmente a pesquisa é auditada pelo Instituto Internacional pela Liberdade Religiosa (International Institute for Religious Freedom – IIRF). 

A LMP utiliza dois fatores para medir a perseguição: violência e pressão. Pressão é quando o cristão recebe insultos, ameaças, discriminação e hostilidades. Já a violência é analisada a perseguição por meio de incidentes violentos, como mortes, ataques e prisões.  

A pressão aos cristãos é medida em cinco esferas da vida: vida privada, família, comunidade, nação e igreja. Para medir a violência, são contabilizados os ataques de diferentes formas aos cristãos. Para cada uma das esferas de pressão e da violência, existe um conjunto de perguntas. Esse conjunto de perguntas forma um questionário que é respondido por cristãos perseguidos nos países monitorados pela Portas Abertas. 

Cada pergunta do questionário tem uma pontuação e, por meio do processo de análise dos questionários, cada país recebe uma pontuação final específica. A pontuação final pode ser resultado de diferentes mecanismos de perseguição. Dentro de uma escala de 0 a 100, a pontuação do país determinará o nível de perseguição e a posição na Lista Mundial da Perseguição. Da pontuação mais alta para a mais baixa, os níveis de perseguição variam entre extrema (81 a 100 pontos), severa (61 a 80 pontos), alta (41 a 60 pontos) e variável (40 ou menos pontos). A metodologia da LMP permite que sejam feitas comparações entre diferentes situações de perseguição. Atualmente, mais de 340 milhões de cristãos são perseguidos no mundo. Entenda como a perseguição acontece.

Receba o novo mapa da LMP 

A Lista Mundial da Perseguição 2022 será lançada no dia 19 de janeiro. Cadastre-se e receba em primeira mão o mapa e o e-book com informações dos 50 países.  


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE