Livros didáticos incentivam hostilidade contra outras religiões

As autoridades asseguram que mudaram os materiais, mas nenhum progresso é visto

| 20/09/2017 - 00:00

Os conteúdos também incentivam a descriminação das minorias religiosas

Os conteúdos também incentivam a descriminação das minorias religiosas


Um relatório do Observatório dos Direitos Humanos (HRW em inglês, organização internacional não-governamental que defende e realiza pesquisas sobre os direitos humanos) aponta que livros usados nas escolas da Arábia Saudita contêm linguagem de ódio em relação a pessoas de qualquer fé que não seja o islamismo. Estão inclusos os cristãos, judeus, e até pessoas de outra tradição islâmica além da sunita.

Um livro didático do quinto ano declara que é dever de todo muçulmano excomungar os “kifars”, que significa descrentes. “Aquele que não excomungá-los ou duvidar da infidelidade religiosa deles pode se considerar também um descrente”, afirma o livro. Em outra parte, é ensinado aos alunos muçulmanos que eles devem “reservar lealdade a Deus, ao profeta e aos outros crentes, e mostrar hostilidade aos descrentes”.

Desde os ataques de 11 de setembro de 2001, a Arábia Saudita é pressionada para reformular o conteúdo do currículo escolar. As autoridades dizem que vão fazê-lo, porém o relatório mostra que não houve mudança nos últimos doze anos.

O diretor do Centro para Liberdade Religiosa em Washington, nos Estados Unidos, recomendou que o país suspenda os contratos multibilionários aprovados recentemente com a Arábia Saudita “enquanto o governo saudita publicar, postar, aprovar, financiar e distribuir materiais didáticos que direcionam violência e ódio contra qualquer grupo religioso, o que pode incluir cidadãos norte-americanos”.

 

Leia também

Uma história de fé secreta e isolada

Cristãos sauditas possuem apenas duas opções


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2023 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco