Jovens cristãos voluntários são assassinados

| 18/08/2008 - 00:00


Três voluntários da Associação Cristã de Jovens da Guatemala foram assassinados, depois de seqüestrados, no domingo dia 10 de agosto . Os corpos foram encontrados na segunda-feira, na jurisdição de San Vicente Pacaya. Eles foram agredidos e mortos a tiros.

As vítimas, Eliazar Bernabe Hernadez Rodas, 22 anos, Mario Rene Gamez Luna, 23, e Juan Luis Navarro, 19, eram voluntários em Amatitlán, onde desenvolviam trabalho em benefício da infância e da juventude nessa comunidade.

A informação é da Aliança Latino-Americana e Caribenha da Associação Cristã de Jovens (ACJs/YMCAs), que, em comunicado, chama a atenção para situações de violência, exclusão e violação dos direitos humanos na região. "Essas situações têm nomes, rostos e territórios", diz a nota.

Martírio de jovens

"Somos testemunhas do martírio de muitos líderes juvenis e nos solidarizamos com sua dor. Que tipo de sociedade podemos construir permitindo que se mate impunemente a esperança trazida pelas novas gerações de fazer algo melhor para a vida deste planeta? Levantamos nosso clamor ao céu", manifesta o comunicado.

A solicitação apresentada pelas autoridades da ACJ - Guatemala será acompanhada pelo Ministério Público para que seja realizada uma exaustiva investigação a fim de esclarecer os fatos e punir os responsáveis pelos assassinatos. A ACJ também manifestou solidariedade às famílias de Eliazar, Mario e Juan Luis, aos seus jovens parceiros e às autoridades da Associação.

A nota, assinada pelo secretário da Aliança, Miguel Blasco, convida a refletir sobre o significado destes fatos e a renovar o compromisso de trabalhar, dia-a-dia, para que os jovens tenham o pleno acesso aos seus direitos como cidadãos e para sejam protagonistas na construção de um mundo justo, fraterno e pacífico.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE