Seis cristãos presos no Irã são soltos

Eles fazem parte de um grupo de 9 cristãos da mesma igreja presos no período de um mês, entre eles o pastor, que não foi liberado

Sete cristãos, membros da mesma igreja, que haviam sido presos recentemente no Irã foram liberados sob fiança. Espera-se que Mehdi Khatibi também seja solto em breve. Não se sabe ainda quais eram as acusações contra eles. Os cristãos esperam ser convocados para comparecer em juízo, mas não há indicação de quando isso acontecerá.

Hossein Kadivar foi o primeiro a ser solto, no último sábado (16). No domingo e segunda-feira seguintes, Babak Hosseinzadeh, Behnam Akhlaghi, Kamal Naamanian, Mohammed Vafada e Khalil Dehkanpour também foram libertados, após ter pago uma fiança de cerca de 12 mil dólares cada. Todos eles tinham sido presos no período de cerca de um mês, entre final de janeiro e o fim de fevereiro.

Abdolreza (Matthias) Haghnejad, que é o pastor do grupo, e Shahrooz Eslamdous continuam presos. O pastor é acusado de ação contra a segurança nacional e de promover sionismo cristão. Esses irmãos que vivem no país que ocupa a 9ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2019 contam com nossas orações.

Continue orando para que esses dois cristãos que ainda estão presos sejam soltos, assim como outros cristãos que cumprem pena no Irã. Interceda para que as igrejas e cristãos do Irã sejam fortalecidos e preparados para enfrentar a perseguição. Clame para que as autoridades parem de mirar os cristãos como inimigos do estado.

Leia mais
Cristãos presos no Irã
Mais prisões de cristãos no Irã