O que aconteceu na Igreja Perseguida – retrospectiva 2021

Recorde as principais ações de Deus em favor dos cristãos perseguidos

| 31/12/2021 - 08:00

Portas Abertas mobiliza igreja brasileira para interceder pela Índia, Afeganistão, cristãos necessitados, crianças e países da Ásia Central

Portas Abertas mobiliza igreja brasileira para interceder pela Índia, Afeganistão, cristãos necessitados, crianças e países da Ásia Central


Ontem, a Portas Abertas relembrou os principais acontecimentos do primeiro semestre de 2021 que impactaram a Igreja Perseguida. Hoje, é dia de recordar aquilo que o Senhor fez na vida de irmãos e irmãs hostilizados por amor a Jesus durante o segundo semestre.  

Juntos com os cristãos perseguidos na Índia

Apesar da perseguição social, cristãos indianos se mantêm fortalecidos em Jesus

O mês de julho foi de intercessão e mobilização pelos cristãos que vivem na Índia. O crescimento da perseguição local é fruto da propagação da filosofia hindutva, que diz que a Índia só será independente quando toda a população for hindu. Os principais líderes políticos concordam, propagam a ideologia e mentiras a respeito dos cristãos na mídia e nas redes sociais.

O resultado disso é pressão e violência contra os seguidores de Jesus. Por isso, a Portas Abertas criou a campanha #StandForTruthIndia, que significa em português “Defenda a Verdade Índia”. Além da ação mostrar que nossos irmãos indianos não estão só, os cristãos brasileiros puderam ser edificados ao baixar a revista virtual Índia Ilustrada.

Tomada do Afeganistão pelo Talibã

Cristãos secretos no Afeganistão são um dos principais alvos do integrantes do Talibã (foto: IMB)



Em agosto, o mundo recebeu a notícia de que o Afeganistão estava nas mãos do Talibã novamente. Cenas de pessoas desesperadas para fugir do país chocaram a todos e motivaram os cristãos brasileiros a interceder ainda mais pela nação. A situação dos cristãos secretos ficou ainda mais difícil e quando descobertos eram assassinados ou desapareciam.

Cerca de 2,2 milhões afegãos conseguiram se refugiar em países vizinhos, mas as condições em que viviam eram precárias. Muitos dos capturados pelas autoridades locais foram deportados para o Afeganistão e morreram nas mãos dos jihadistas. A Portas Abertas forneceu socorro imediato e mobilizou campanhas de oração pelos cristãos refugiados.

Live Solidária #UmComEles

Cristãos perseguidos como o pastor Jeremiah foram motivo de oração durante a segunda Live da Igreja Perseguida

No mês seguinte, foi o momento dos cristãos brasileiros se reunirem em oração, adoração e contribuição na Live Solidária da Igreja Perseguida. O vídeo contou com mais de 12 mil visualizações no Youtube, e mais de R$ 175 mil foram arrecadados para abençoar cristãos hostilizados por causa de Jesus.

Durante o evento virtual, os momentos de adoração ficaram sob a responsabilidade de Alexandre Magnani, Baruk, Clovis Pinho, Dany Grace, Gabriel Guedes, Gerson Borges, Leonardo Gonçalves, Lito Atalaia, Luciano Claw, Marsena, Paulo Nazareth, Roberto Diamanso, Soraya Moraes, Thiago Grulha e Zé Bruno. 

Entre as canções, líderes cristãos como Bispo Peres, Carlito Paes, Luca Martini, Rebeca Nemer e Sidney Costa compartilharam testemunhos de irmãos e irmãs que resistiram à perseguição por amor a Jesus. 

Crianças de mãos dadas com a Igreja Perseguida

As crianças brasileiras puderam conhecer a realidade de outros pequenos seguidores de Jesus perseguidos por causa da fé

Outubro foi a vez entender melhor como as crianças cristãs são perseguidas por causa de Jesus. Muitas enfrentam exclusão e violência na escola, outras são sequestradas por extremistas islâmicos para se tornarem meninos soldados e as garotas são dadas em casamento a fanáticos religiosos.

Além disso, as crianças têm o acesso negado a materiais e ensinamentos cristãos, são proibidas de frequentar igrejas e costumam ser agredidas física, psicológica e sexualmente. Para tornar a realidade dos pequenos seguidores de Jesus compreensível para as crianças brasileiras, a Portas Abertas preparou um roteiro de atividades para crianças chamado “A experiência da igreja secreta”.

O Brasil em oração pelo Sudão

Os cristãos sudaneses pediram que os irmãos ao redor mundo clamassem pela paz no Sudão

 

Desde que o ditador Hassan al-Bashir foi deposto há dois anos, o Sudão experimentou mudanças positivas como a separação da religião islâmica do Estado e a abolição da pena de morte para quem deixasse de ser muçulmano.

Entretanto, essas mudanças deram início a um descontentamento de conservadores islâmicos contra o governo de transição. Então, os militares tentaram dar um golpe e prenderam as autoridades políticas. Os resultados foram amplos protestos da população e resposta violenta dos militares, que atingiram também os cristãos locais. A Portas Abertas mobilizou a igreja brasileira em oração pelo país e pela igreja sudanesa.

30 anos da queda da União Soviética

Irmão André entrega um milhão de Bíblias para líderes da Igreja Ortodoxa Russa em 1988



Em dezembro, a dissolução da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) completou 30 anos. O Estado socialista composto por 15 repúblicas autônomas existiu entre 1922 e 1991 e reunia mais de 300 milhões de pessoas, de 200 grupos étnicos diferentes. Nesse período, os cristãos e as igrejas foram duramente perseguidas, pois o objetivo maior era eliminar o cristianismo.  

Com a queda da URSS, nasciam os países independentes da Ásia Central. Gradualmente, os cristãos perseguidos pelo governo comunista passaram a participar da sociedade. Surgiram escolas bíblicas, seminários, organizações missionárias, atividades sociais e casas publicadoras cristãs.

Porém, as novas autoridades de países como Uzbequistão, Turcomenistão, Tajiquistão, Cazaquistão e Quirguistão implantaram leis com forte herança de perseguição aos seguidores de Jesus. Os comitês religiosos, a influência dos serviços de segurança, obrigatoriedade do registro das igrejas, legislação religiosa restritiva e a pressão familiar são alguns resquícios do antigo regime usados para negar a liberdade religiosa dos cristãos.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE